25 / 06 / 2012 - 11:36 am

Freijó

Madeira Freijo

Nome Científico: Cordia goeldiana Huber, Boraginaceae

Outros nomes populares: Frei Jorge. √Č constantemente confundida com a madeira de Corida frichotoma (encontrada no litoral entre Bahia e Santa Catarina), que √© conhecida como Louro-pardo, Louro-amarelo, Louro-da-serra, Freij√≥-branco, Freij√≥-preto, Freij√≥-rajado, Freij√≥-verdadeiro e, Cordia preta.


Boraginaceae √© uma fam√≠lia de plantas de regi√Ķes tropicais, sub-tropicais e temperadas. Compreende mais de duas mil esp√©cies, distribu√≠das em cerca de 100 g√™neros, que abrangem, principalmente, plantas arb√≥reas, arbustivas e herb√°ceas.


Cordia √© um dos g√™neros mais importantes das boragin√°ceas, com cerca de 250 esp√©cies. Seu nome, ao contr√°rio do que se poderia supor, n√£o √© alusivo a cora√ß√£o e, sim, a homenagem a um dos primeiros bot√Ęnicos alem√£es do s√©culo XVI, Valerius Cordus.

Entre as esp√©cies de Cordia existentes na Am√©rica Central e do Sul, e que s√£o produtoras de madeira de alta qualidade, destacam-se: C. alliodora (R & P.) Oken (laurel), presente nos bosques tropicais da Am√©rica Central e Amaz√īnia sulamericana, com plantios comerciais na Col√īmbia, Suriname e Vanuatu (antiga Novas H√©bridas); C. goeldiana Huber (freij√≥), que ocorre na Regi√£o Amaz√īnica brasileira e produz madeira de larga utiliza√ß√£o, com demanda crescente no mercado interno e externo; e C. trichotoma (Vellozo) Arrabida ex Steud, com ocorr√™ncia nas √°reas tropicais e subtropicais ao Brasil, Argentina e Paraguai.

Características:
O louro-pardo é uma árvore de folhas caducas, que pode alcançar até 35 m de altura, com tronco reto e cilíndrico, dando fustes de 10 a 20 m de altura. Suas flores são pequenas, brancas, perfumadas, com floração vistosa, observada de janeiro a julho.

No Nordeste do Brasil, onde √© conhecido por frei-jorge, a esp√©cie √© encontrada com regular freq√ľ√™ncia nas serras interioranas do Cear√° (Serra do Araripe), Para√≠ba e Pernambuco (Serra de Garanhuns e Serra Negra). Sua maior √°rea de dispers√£o estende-se da Floresta Tropical Pluvial Atl√Ęntica, do Sul da Bahia e norte do Esp√≠rito Santo, at√© a Floresta Subtropical Pluvial das bacias dos rios Paran√°, Paraguai e Uruguai. O limite norte de sua distribui√ß√£o, no Brasil, est√° na Serra do Araripe, no sul do Cear√°, a, aproximadamente, 7o S, e o limite sul, em Encruzilhada do Sul, no Rio
Grande do Sul, a 30¬į32′S . A esp√©cie ocorre, ainda, na parte leste do Paraguai e no norte da Argentina, nas prov√≠ncias de Misiones e Corrientes. Nas Regi√Ķes Sul, Centro-Oeste e Sudeste do Brasil, o louro-pardo √© uma das esp√©cies nativas mais promissoras para plantio. Ele apresenta uma combina√ß√£o de aspectos favor√°veis, como r√°pido crescimento, boa forma, madeira de excelente qualidade, apreciada nos mercados interno e externo, frutifica√ß√£o abundante, regenera√ß√£o natural vigorosa e facilidade de produ√ß√£o de mudas.


Fonte: CARVALHO, P.E.R РEspécies florestais brasileiras

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

* Senha:

* Digite a senha acima: